Alvo Humano ( Capa Dura) - Vertigo - Opera Graphica

Passe o mouse para ampliar

Mais Visualizações

Alvo Humano ( Capa Dura) - Vertigo - Opera Graphica

No catálogo desde: 15/09/2006

Seja a primeira pessoa a avaliar este produto

Disponibilidade: Em estoque

Preço Normal: R$49,00

Preço Promocional R$14,90

Você economiza: R$34,10 (70%)

Descrição Rápida

Alvo Humano

Detalhes

ALVO HUMANO Este Alvo Humano vem com o selo da Vertigo, uma garantia de excelentes quadrinhos para adultos Uma obra-prima moderna, um marco da narrativa da arte seqüencial está sendo lançado no Brasil pela Opera Graphica Editora; trata-se de Alvo Humano, uma recomposição noir e violenta de um herói surgido nas revistas da DC Comics, nos anos 70. A história de Christophe Chance — um guarda-costas que tem a capacidade de assumir a identidade de seus clientes para protegê-los, tanta que se transforma no outro em nível físico, mental e emocional —, transcorre numa avalanche de criatividade narrativa e de emocionante seqüência de ambientações que vão se transmutando, praticamente, em todas as suas mais de cem páginas. Mesmo assim, não se tratam de “quadrinhos experimentais” — longe disso, Alvo Humano conta uma história forte e coesa, é um thriller, cuja linearidade não é prejudicada pela fragmentação; ela se mantém robusta até o final, quando então todas as tramas paralelas se fecham e todos os detalhes sugeridos nas páginas prévias mostram sua razão de ser. Aplicando com maestria a luz e a sombra, dominando com perfeição a anatomia e ilustrando os personagens em angulações inusitadas, Edvin Biuković conseguiu com sua arte produzir um efeito raro de vertigem, dada a intensidade de planos e contraplanos mostrados seguidamente. Os abundantes clímaxes do roteiro de Peter Milligan, nada gratuitos e em em perfeita comunhão com Biuković fortalecem esta obra única e empolgante. A Opera Graphica produziu uma edição meticulosa, com efeitos visuais belíssimos a partir da capa, perfeitamente adequados à obra, e ainda recheou o volume com nove textos sobre os personagens, a história e seu teor, escritos por Franco de Rosa, Roberto Guedes, Gonçalo Junior e Rodrigo Salem, entre outros. ALVO HUMANO Opera Graphica Editora Roteiro: Peter Milligan – Arte: Edwin Biuković ISBN: 85-89961-76-1 Formato: 17 x 26 cm 112 páginas, papel couché, impressão em cores, capa dura SAIBA MAIS (O PERSONAGEM): Christopher Chance, o Alvo Humano, criação de Len Wein e Carmine Infantino, apareceu originalmente como coadjuvante em Action Comics, a revista de Superman, em dezembro de 1972. Basicamente, Christopher Chance era uma seqüela temporã de James Bond, suas histórias curtas traziam o charme dos filmes de espionagem, com muita ação e suspense. O que diferenciava Chance de outros heróis de sua estirpe é que ele era um guarda-costas e mestre em disfarces que oferecia às pessoas ameaçadas assumir sua identidade para, então, derrotar o inimigo. O Alvo Humano estava destinado a ter vida longa, vindo a interagir em histórias de outros personagens e a aparecer em outras revistas da DC (a participação mais relevante foi na série Kobra, de 1976, escrita por Martin Pasko, com desenhos de Jack Kirby, Rich Buckler e Mike Nasser) no decorrer dos anos, tendo sido também, várias vezes, cogitada uma adaptação para cinema, mas tudo o que foi feito em live-action foi um seriado para TV, que durou dois anos, em 1990 / 1991. Em seguida, o Alvo Humano hibernaria por um tempo, vindo a ressurgir espetacularmente em 1999, no selo Vertigo, inteiramente remodelado, numa versão onde a ousadia gráfica o projetou para o seleto elenco das obras-primas dos quadrinhos (a versão que está sendo agora editada pela Opera Graphica) e cuja violência explícita o aproxima do cultuado 100 Balas, de Brian Azzarello e Eduardo Rizzo — depois, o Alvo Humano estrelaria a graphic novel Final Cut, em 2002. A recriação do personagem se deu por obra do escritor irlandês Peter Milligan, e pela arte magnífica do croata Edvin Biuković, vencedor do prêmio Russ Manning Best Newcomer, em 1995. Em outubro de 2003, Christopher Chance ganharia uma série contínua, que duraria 21 edições, findando em junho de 2005. SAIBA MAIS (AUTORES): PETER MILLIGAN Roteirista irlandês que iniciou sua carreira na revista 2000 AD da Inglaterra, em 1986. Três anos depois, faria parte da famosa “invasão de autores britânicos” à América, escrevendo a contundente minissérie Skreemer para a DC Comics. Logo, reformulou o personagem Shade, de Steve Ditko, e depois substituiu Grant Morrison no aclamado título Animal Man. Chegou a escrever aventuras de Batman e partiu dele a idéia de criarem o evento A Queda do Morcego, onde o Homem-Morcego ficaria numa cadeira de rodas. Em 2001, Milligan e o artista Mike Allred transformaram a revista X-Force numa sátira das mais divertidas do universo mutante da Marvel Comics. Na série, propôs apresentar a ressurreição da Princesa Diana, mas a idéia foi rejeitada pelo tablóide inglês Daily Mail, e a personagem que seria Diana foi transformada em outra, além das referências à Família Real serem apagadas. Milligan também escreveu o filme Pilgrim, estrelado por Ray Liotta. EDWIN BIUKOVIĆ Nasceu em Zagreb, a maior cidade da Croácia, em 1969. Estreou em 1987, com o quadrinho Dokaz. Entrou no mercado americano em 1993, desenhando o personagem Grendel, de Matt Wagner. Com o roteirista Mike Baron, produziu a graphic novel Star Wars: The Last Command. Em 1999, com apenas 30 anos, morreu devido a um tumor cerebral.

Informações Adicionais:

Código Identificador (SKU) 4066
Editora Opera Graphica
Formato Capa Dura
Categorias Vertigo | Outros | Ofertas da Semana

Etiquetas de Produto

Use espaço para separar as tags. Use aspas simples (') para frases.